O estilo do Lollapalooza Brasil 2017

by Eduardo Lautert


Sim. Depois de mais um fim de semana movimentadíssimo em terras brasileiras, abrimos a última semana de março com os melhores momentos do Lollapalooza Brasil 2017.

Foram dois dias de muita música de qualidade e figurinos inspirados. Tá certo que muita gente aproveita a dimensão do festival e acaba extrapolando - isso vale para os artistas e para o público. Mas teve muita gente que fez bonito em cima do palco. A maioria deles a gente lista aqui embaixo:


Referência pra homem: Riz Ahmed

by Eduardo Lautert


A quarta-feira está de volta. E lá vem mais uma referência bacana de estilo.

Riz Ahmed, também conhecido como Riz MC, é um cara icônico. Rapper, de origem muçulmana e nascido em Londres, ele vem construindo uma carreira de respeito também no meio cinematográfico. Depois de aparecer no thriller "O Abutre", seu nome pode ser visto em projetos de maior expressão como "Jason Bourne" e "Rogue One".

E apesar dessa mistura toda de carreiras e etnias, o figurino do ator/rapper é bastante básico. Mas lembrem, básico não significa sem graça. Nesse caso, principalmente, muito pelo contrário. Seus costumes são sempre referência de como combinar cores sóbrias pode deixar qualquer homem elegante. Basta tomar cuidado com estampas, cores mais vibrantes e acessórios. E Riz faz isso com muito bom gosto. É só ver as suas últimas aparições em festivais e premiações. Sempre trajes muito bem cortados, sem sobra ou falta de tecido, com acessórios pontuais. Vejam a galeria abaixo e pensem se precisa mais do que isso para ser referência de estilo:


Tatuagem de aquarela

by Eduardo Lautert


Todo mundo aqui sabe o quanto gostamos de tatuagem. Não é qualquer estilo, é claro. Mas em sua maioria, tatuagens são sim expressões artísticas de muita elegância.

Um dos estilos mais populares nos últimos anos e que nós mais valorizamos é o da tatuagem com aquela estética de aquarela. É original, tem uma veia artística interessante e forte, ao mesmo tempo que carrega cores e texturas totalmente diferentes e originais em comparação com boa parte do mercado atual. Não se trata de uma novidade, algo que surgiu ontem. Em compensação, não é qualquer tatuador que faz um trabalho bacana com essa estética.

Tatuagens com cor demandam bastante cuidado. Antes e depois do processo. Antes porque assim como qualquer tatuagem, merece um bom tempo de raciocínio e maturação. Cores e tons mais fortes chamam bastante atenção e é bom ter um certo bom senso antes de decidir conviver com a tattoo para o resto da vida. Depois porque as cores mais vivas têm características diferentes, ainda mais no caso dessa estética, que por vezes parece mais apagada e não tão "chapada". É fácil que o resultado, com o tempo e desgaste, fique feio e perca toda graça. Abaixo vão alguns exemplos bacanas:


Sessão retrô: cores que combinam com verde

by Eduardo Lautert


Não que a gente concorde com essa história de adotar feriados internacionais para o BraZil, mas já que muita gente reserva o dia de hoje para vestir verde, hoje a gente dá algumas dicas para se vestir para o Dia de São Patrício, ou St Patrick's Day.

Preto.
A mais formal. Pode ser usada em conjuntos despojados, mas principalmente em modelos mais formais, como ternos e gravatas. O fundamental é saber dosar os tons e os detalhes sem descambar.

Cinza.
A mais coringa. Pode servir para qualquer tipo de ocasião ou estação. Assim como o preto, pode funcionar para momentos de formalidade da mesma forma que para os de informalidade. A diferença é que não traz a 'escuridão' do preto.

Azul.
Uma das menos comuns, já que traz duas cores mais vibrantes e opostas. Mas calma, é só acertar no tom, apostando nos mais discretos, que o resultado fica tão interessante quanto as fotos acima.

Branco.
A mais simples, mas nem por isso a mais sem graça. Na maioria dos casos, representada por figurinos mais casuais e esportivos, como o da imagem acima. Ao mesmo tempo, uma camisa social branca e uma gravata verde transformam tudo em algo formal e elegante.


Referência pra homem: Andreas Weinås

by Eduardo Lautert


A quarta-feira das referências está de volta. E dessa vez o escolhido vem diretamente da Suécia.

Andreas Weinås é um sueco editor da revista online manolo.se. Frequentemente visto nos principais eventos e desfiles de moda ao redor da Europa e do mundo, Andreas é também tido como um dos caras mais elegantes da atualidade. E não somos nós que estamos dizendo. Revistas como GQ, Esquire, Gentleman's Gazette e Rake são algumas publicações fãs do estilo desse rapaz.

Seu estilo é clássico. Não há outra forma de classificá-lo. Suas produções envolvem, em sua grande maioria, ternos, gravatas, sapatos e outros acessórios desse universo mais formal. E para que a coisa não soe monótona e repetitiva, Andreas sabe como poucos combinar cores e estampas - variando bastante os figurinos sem nunca sair desse meio tradicional no qual ele se insere. É claro que o corte de cada peça é impecável. Não vemos sobras de tecidos nem peças justas demais. Uma referência imprescindível para quem curte e veste esse tipo de roupa com frequência.


Sessão retrô: cardigan

by Eduardo Lautert


O cardigan (ou cardigã) é mais uma daquelas peças indispensáveis num guarda-roupa masculino. E aproveitando que os dias de calor mais extremo parecem ter ido embora, nada mais justo do que falarmos sobre essa peça totalmente coringa e ideal para os dias de clima mais ameno.

Assim como o colete, ele também é uma peça atemporal. Outra boa característica é que ele pode ser usado em diversas estações e temperaturas. Tirando os dias mais quentes de verão, é possível vesti-lo quase sempre, seja com apenas uma camiseta ou camisa por baixo, ou com um casacão ou jaqueta por cima.

Outra semelhança com o colete é que ele pode ser usado tanto em ocasiões informais, quanto em casos mais formais. Para o dia a dia, é possível vestir apenas uma camiseta ou camisa por baixo e pronto. Nos casos que requerem um pouco mais de capricho, dá perfeitamente para vestir uma camisa com uma gravata, com ou sem o uso do paletó por cima. Nessa ocasião mais formal, é bom atentar bastante para as cores, evitando um resultado muito extravagante.

Ainda que nem o colete, é possível variar bastante nas cores e estampas. O ideal é ter pelo menos uma unidade de cor lisa, o famoso coringa, para facilitar as combinações. Preto, cinza e azul marinho são barbada de combinar. Ainda sobre a cor e a estampa, aquela dica de roubar cor, usando cores parecidas para não fugir muito do mesmo universo de cores, funciona bastante.

Ele também contribui muito para aquele efeito das camadas, pois pode fazer parte de um conjunto bacana de peças. É possível, por exemplo, vestir camiseta, camisa, cardigan e jaqueta. Isso sempre dá um resultado legal de sobreposições e que pode variar bastante.


Decoração pra homem: plantas

by Eduardo Lautert


Sexta-feira. Ela chegou. E com ela, mais um post de decoração masculina (ou unisex, como quiserem) pra aproveitar o fim de semana e logo colocar em prática.

Plantas. Vivemos num país tropical. Verde é uma cor predominante por aqui. E essa vegetação toda tem um papel importantíssimo dentro da casa também. Plantas, seja qual for o tipo: Cróton - que precisa de bastante sol, Palmeira-leque - que precisa de um certo espaço, Samambaia - que não precisa de muita luz e deve ficar longe do vento, Iuca - que não precisa de sol direto, mas precisa de ventilação, Zamioculca - que precisa de pouca água e pouca luz para sobreviver, Lança-de-São-Jorge - longilíneas e que também não necessitam de muita luz para viver. Enfim, opções não faltam.

Plantas, além da óbvia vantagem visual - trazendo mais cor para ambientes fechados e urbanos, trazem também mais vida para dentro de casa. Pode ser na sala, no quarto, no banheiro, na cozinha, ou até na área de serviço. Esse tipo de vegetação pode também fornecer ervas frescas para usar em temperos e chás, além de melhorar significativamente a qualidade do ar dentro do ambiente.

A galeria abaixo ajuda a mostrar essa variedade e elegância das plantas em ambientes fechados.


Referência pra homem: Teo van den Broeke

by Eduardo Lautert


Primeiramente, Feliz Dia da Mulher. Sabemos que boa parte dos leitores desse blog são do gênero feminino. E para elas o nosso parabéns e o nosso muito obrigado. Não por serem nossas leitoras (tá, também), mas por serem um exemplo eterno de tanta coisa boa dentro e fora da moda.

Deixando de lado o registro singelo, mas indispensável, vamos ao outro assunto do dia: referência. Teo van den Broeke é o atual Style Director da revista Esquire - uma das mais respeitadas do ramo. Conceituado jornalista de moda e comportamento masculino, o jovem inglês mostra que a autoridade para falar no assunto vem de casa. Suas aparições nos principais eventos do meio são uma comprovação disso.

No seu guarda-roupas diário vemos cores sóbrias prevalecendo: azul, cinza, preto, marrom e cinza. São cores fáceis de combinar entre si e, na maioria das vezes, também ficam bem em conjuntos monocromáticos. As estampas até têm seu espaço, junto com os acessórios, mas é tudo tão discreto e cuidadoso, que o resultado final permanece elegante e até mesmo minimalista. Uma breve folheada na galeria abaixo comprova isso tudo:


Instagram pra homem: Jislain Duval

by Eduardo Lautert


Retomamos a nossa busca pelos perfis mais elegantes e inspiradores da rede social de fotos mais popular do mundo.

O nome é Jislain Duval, mas no Instagram, para os seus mais de 35 mil seguidores, ele atende por @jislainduval. A cidade natal é Nápoles, na Itália e a profissão é modelo. Só por aí já deu para ter uma ideia do tamanho da referência que estamos falando, né? Todas informações evidenciam um cara elegante, com belas escolhas estéticas e uma carreira internacional que o faz viajar ao redor do mundo constantemente.

No seu feed, Jislain nos enche de inspiração com fotos do seu dia a dia de modelo italiano, viajando por lugares incríveis e participando de elegantes editoriais de moda. Seu estilo pode ser definido como uma mescla de alfaiataria tradicional com uma pegada casual interessante, quebrando um pouco da formalidade e tradição das peças mais clássicas com itens casuais de muito bom gosto. Vale o follow.


O estilo do iHeartRadio Music Awards 2017

by Eduardo Lautert


É isso mesmo. Mais uma segunda que começa já esticando o tapete vermelho.

Dessa vez tivemos o iHeartRadio Music Awards, premiação organizada pela iHeartRadio - uma das mais renomadas da atualidade. Ocorrido em Inglewood, na California, a cerimônia contou com a apresentação de Ryan Seacrest e shows de Katy Perry, Big Sean, Ed Sheeran, Chris Martin, Bruno Mars e muitos outros. E os melhores (e piores) momentos em termos de figurino a gente mostra logo abaixo:


O estilo do Oscar 2017

by Eduardo Lautert


O Carnaval bem que tentou atrapalhar, mas mesmo com alguns dias de atraso a gente vai sim falar sobre o Oscar 2017.

A 89ª edição dos Acdemy Awards aconteceu domingo, no Dolby Theatre, em Los Angeles. Tido como o prêmio mais badalado do cinema, essa edição foi para muitos, uma das mais elegantes da história recente. Analisemos:


10 conteúdos elegantes para ver no Netflix durante o Carnaval

by Eduardo Lautert


E para fechar a nossa programação carnavalesca, um conteúdo especial para quem não vai fazer nada no feriado.

Isso mesmo, hoje falamos sobre os 10 melhores conteúdos disponíveis no Netflix. Porque Carnaval é tempo de relaxar. E nada melhor do que relaxar do que acompanhado de grandes filmes e belos figurinos.


Referência pra homem: Karlmond Tang

by Eduardo Lautert


Dando uma breve (mas importante) interrompida na nossa pauta carnavalesca, hoje trazemos mais uma referência de estilo masculino.

Karlmond Tang é blogueiro, stylist, modelo e consultor de mídias sociais nascido em Londres. No seu Mr. Boy, ele junta um pouco de tudo isso. Fotos de diferentes fotógrafos, mostrando elegância e bom gosto nas roupas, textos e demais manifestações. E a prova dessa enorme sabedoria está também nas mais recentes listas de homens mais elegantes da web. Tang é uma figura constante.

No guarda-roupas, uma verdadeira referência de como mesclar itens clássicos com artigos mais modernos. Suspensórios, alfaiataria, sapatos e outros se misturam com camisetas, jaquetas, coturnos e etc. Tudo com extrema precisão, sem que nada saia do lugar ou fique forçado. São, em sua maioria, combinações simples, que respeitam um padrão de cores mais discreto e agradável. A galeria logo abaixo explica isso melhor:


5 apps para viajar

by Eduardo Lautert


Então, continuando a nossa programação pré-Carnaval, falamos hoje de um assunto que fazia tempo que não entrava em pauta: aplicativos. E hoje listamos 5 logo de cara. Todos indispensáveis para quem vai viajar no Carnaval:

unnamed-3.png

GOOGLE TRIPS
Todo mundo se atrapalha com reservas, horários, programações, mapas e etc. E o Google Trips facilita tudo isso. E linka as reservas da sua conta Google e armazena tudo no app, organizado por datas e horários. Lá você ainda organiza passeios e organiza cada detalhe da sua viagem.

FLIGHT AWARE
A vida em aeroportos é um caos. Graças ao Flight Aware você pode rastrear qualquer voo em tempo real, receber alertas e notificações de atrasos nos aeroportos e assim se prevenir muito melhor.

unnamed-1.png

XE CURRENCY
Qual a cotação do peso argentino? Quantos yens eu compro com 100 dólares? O XE Currency é um app que centraliza tudo isso. Lá a gente faz a conversão e ganha todo aquele tempo que perderia fazendo cálculos e mais cálculos.

SAS SURVIVAL
Indispensável para quem gosta de acampar ou encarar uma programação mais roots, esse app tem dicas também para o nosso dia a dia. Criado por um ex-soldado, ele tem centenas de dicas de sobrevivência muito bacanas.

MAPS.ME
Pra que lado fica a estação de metrô? Que rua a gente entra pra chegar na estrada? Quantas quadras até o hotel? Antes de viajar, salve os mapas dos lugares a serem visitados no Maps.Me e tenha quase que literalmente o caminho das pedras sem gastar 3G. Isso mesmo, depois de salvar os mapas, você pode abri-los mesmo estando offline.


10 dicas para fazer as malas

by Eduardo Lautert


Aproveitando o alvoroço que o feriado de Carnaval já vem causando, dedicamos a nossa semana ao assunto. Cada dia, de hoje até sexta, um assunto diferente para ajudar todo mundo antes de aproveitar o feriado. E para começar, 10 dicas para fazer as malas:

1. ESCOLHA BEM A BAGAGEM
Pense na viagem. Acampamento, meio do mato e trilha, combina com mala de rodinha? Viagem de negócios, combina com mochilão? Sem falar nos tamanhos - não pensando apenas na duração da viagem, mas também no tipo de roupa a ser levado (não precisamos dizer que roupa de inverno ocupa mais espaço do que roupa de verão).

2. EMBALE
Embale todos os seus produtos como shampoo, perfume, cremes e etc em papel filme ou sacos tipo ziploc. O plástico garante que todos os fluidos permaneçam onde devem e não manchem aquela camiseta que você ia usar no bloco de sábado.

3. OCUPE TODOS OS ESPAÇOS
Camisetas, cuecas, meias e até os seus jeans e até mesmo podem caber em pequenas fendas nos lados da mala para maximizar a capacidade de carga. Lembre-se também que seus sapatos são em grande parte espaço vazio, então enchê-los com meias, cuecas, cintos, e etc também poupa bastante espaço.

4. ROLL IT
Conhecida técnica militar, enrolar as roupas pode ajudar muito. Crie um pequeno burrito contendo uma camiseta, um par de cuecas e um par de meias. Isso poupa bastante tempo e espaço.

5. SABE AS SACOLAS DA LAVANDERIA? GUARDE ELAS
A fricção causa rugas e o plástico reduz a fricção. Coloque a roupa naqueles sacos da lavanderia ou coloque os sacos entre cada camada de roupa em sua mala. Aliás, sempre embalar os itens mais pesados na parte inferior e os itens mais leves e mais delicados no topo.

6. CUIDE DOS SAPATOS
Coloque meias, cuecas ou cintos dentro dos sapatos. Embale cada par (separadamente, se possível) em um saco (pode ser de plástico ou tecido) antes de colocá-lo na mala. Isso ajuda a proteger o calçado de ficar deformado com o peso e o movimento dentro da mala e ainda protege as roupas de ficarem marcadas pelos solados.

7. CUIDE DAS CAMISAS
Enrole um cinto dentro do colarinho das camisas mais formais para manter a forma (relativa) e impedir que ele fique achatado ou amarrotado.

8. CUIDE DO TRAJE
Se vai num casamento ou outra ocasião que demanda um costume mais formal, procure uma embalagem específica. Quanto mais rígida, mais protegida fica a roupa. E quando falamos de trajes e ternos, cuidar bem faz toda a diferença.

9. CUIDE DAS MIUDEZAS
Guardar itens pequenos como anéis, colares, brincos, pregadores de gravata, abotoaduras, pulseiras e outros em um daqueles vidros de remédio também ajuda bastante. Mantém tudo organizado e sem risco de perdas.

10. CABOS E FIOS
Um bom lugar para armazenar toda aquela parafernália de cabos, fones e fios é a caixa do óculos. Sabe aquela caixinha que a gente nunca mais usa depois que compra o óculos? Então, joga tudo lá dentro e pronto.

outfitgrid_92c9b12d-b0b8-455c-83d5-d2b5a0cd88f7.jpg

Referência pra homem: Justin Livingston

by Eduardo Lautert


É quarta-feira, pessoal. E aqui vai mais uma referência de estilo:

Justin Livingston é um blogueiro americano - nascido no Mississipi e criado em Nova York - responsável pelo Scout Sixteen. No blog ele fala diariamente sobre três assuntos principais: moda, comida (e bebidas) e viagens. Nada mal, né? E como o próprio blog se classifica, trata-se de uma verdadeira "floresta de inspiração e descobertas diárias". Esse conteúdo diário é mesmo de muito bom gosto, sempre com belas imagens que contemplam esses três campos.

No guarda-roupas, Justin coleciona peças e costumes dignos de um jovem americano. Muita coisa moderna, é verdade, mas também uma importante dose de tradição em detalhes específicos e itens de igual elegância. Seus acessórios são destaque, até porque não chamam a atenção pelo exagero e sim pela delicadeza e simplicidade. Cores variam bastante, mas de uma certa forma, tudo respeita um universo jovem contemporâneo. Casual e bem vestido em perfeita sintonia.


O estilo do BAFTA 2017

by Eduardo Lautert


Ah, pois é. Essa época do ano é um tapete vermelho atrás do outro.

Dessa vez cruzamos o Atlântico e vamos rumo ao BAFTA (British Academy of Film and Television Arts) Awards, que aconteceu domingo, no Royal Albert Hall - em Londres. Tido como um dos mais renomados e tradicionais prêmios do Reino Unido, o BAFTA sempre nos oferece uma visão um pouco diferente dos outros prêmios da mesma época: mais britânicos. O que dá para a cerimônia um potencial de ainda mais elegância.

Os destaques a gente apresenta abaixo:


O estilo do Grammy 2017

by Eduardo Lautert


Isso mesmo. Mais uma segunda-feira que começa com tapete vermelho e celebridades.

Aconteceu ontem, no Staples Center em Los Angeles, a 59ª edição do Grammy - a principal premiação da música internacional, embora muita gente discorde e pense que tudo não passa de uma cafonice com zero bom gosto musical.

Independente disso, vamos ao que interessa: o figurino. Na galeria abaixo separamos alguns dos destaques da noite.


Referência pra homem: Leslie Odom Jr.

by Eduardo Lautert


Por problemas de grau tecnológico, não pudemos fazer o post de ontem. Mas não tem problema. A referência de quarta dessa vez vem na quinta:

Leslie Odom Jr. é um ator/cantor americano da Broadway. Vencedor do Tony Award no ano passado pela sua participação no musical "Hamilton", ele tem ganhado bastante atenção dos principais canais de moda masculina da atualidade. E com justiça. O cara é mesmo uma referência de elegância, simplicidade e bom gosto em tudo que veste.

Logo de cara, uma das coisas que mais chama atenção no figurino dele é o corte. Suas roupas são perfeitamente alinhadas. Nada sobra e nada falta. Não é justa nem folgada. E esse é um dos principais segredos: o caimento faz muita diferença. Reparem como valoriza a silhueta de forma leve e quase natural. Em termos de cores, Odom Jr. 'respeita' aquela nossa máxima de combinar cores mais sóbrias e por vezes adicionar um tom ou outro mais vivos. Azul, cinza, preto, branco e alguns picos de marrom são exemplos disso. A galeria abaixo não nos deixa mentir:


Decoração pra homem: marinho na parede

by Eduardo Lautert


Sim, hoje a nossa pauta dá aquela desviada. O bom gosto segue, mas hoje voltamos a falar em ideias de decoração pra homem.

Lá em 2014 falamos sobre a tinta de quadro negro, sobre como ela pode dar vida a um ambiente - mesmo deixando a parede mais escura. Muda, faz contraste e chama a atenção de uma forma bonita, elegante. Móveis e outros objetos de madeira e couro combinam muito bem. O contraste entre o marrom e o azul é uma das combinações mais bacanas que existe. Branco, cinza e até preto também se saem bem.

Para os que ainda assim têm receio de escurecer o ambiente ao pintá-lo de marinho, que tal pintar apenas uma parede. Se as outras forem brancas, o resultado pode ficar tão interessante quanto. Outra ideia é combinar com outras cores claras, para ainda assim manter uma certa claridade no local. Cinza, creme e azul - todos em tons bem claros - são apostas certeiras. O mesmo pode valer par ao piso. Para mais informações e ideias, segue galeria ilustrativa: