Os treinadores mais elegantes da Copa do Mundo

by Eduardo Lautert


Faltando apenas dois dias para o início do maior torneio futebolístico do planeta, nossa pauta se volta para o lado de fora das quatro linhas.

Existem dois tipos de figurinos para treinador de futebol: o terno, à lá Luxemburgo; e o abrigo, à lá Felipão. É claro que em ambos a chance de se sair bem é igual. Por isso hoje a nossa pauta reúne os treinadores mais elegantes da Copa do Mundo de 2014.

Cesare Prandelli - Itália

Provavelmente, um dos destaques da nossa lista. Mantendo viva a tradição dos italianos até na beira do campo, Cesare é e o legítimo italiano. Ternos bem alinhados, cabelo penteado e muita classe a serviço da azurra.

Didier Deschamps - França

Assim como Prandelli, a responsabilidade de Didier, além de levar os franceses a uma boa campanha, é manter o estilo e a elegância dos seus conterrâneos. E ao que tudo indica, ele vai cumprir essa expectativa.

Fabio Capello - Rússia

Um italiano com passagem pela Inglaterra possui todas as credenciais para apresentar um belo figurino na beira do campo. Só falta caprichar mais no modelo do óculos.

Joachim Löw - Alemanha

Löw é o típico alemão quando se fala em estilo: sério, discreto e comportado. Suas escolhas para comandar uma das favoritas ao título são sempre dignas de elogio e servem de inspiração para muito treinador ao redor do mundo.

Jurgen Klinsmann - EUA

Assim como o seu compatriota Löw, Klinsmann também aposta na simplicidade para comandar o seu time. Um pouco mais esportivo, ele mostra que é possível vestir abrigo e uniforme com total elegância.

Louis Van Gaal - Holanda

Um dos mais experientes da nossa lista. No futebol e no figurino. Van Gaal é adepto dos ternos e gravatas mesmo no banco de reservas. 

Niko Kovac - Croácia

Membro da nova safra de treinadores da Copa, Kovac mostra a mesma qualidade que tinha com a bola nos pés na hora de escolher o que vai vestir. Dia 12, contra o Brasil, veremos muita simplicidade e elegância no banco adversário.

Paulo Bento - Portugal

Outro recém chegado na carreira de treinador, Bento também promete fazer bonito no comando de Portugal. Pelo menos no figurino, com peças discretas e bem combinadas.

Roy Hodgson - Inglaterra

O mais velho da lista, com 66 anos, Hodgson preserva a cultura britânica de vestir belos ternos no comando técnico. Outro que tem a paixão pelo futebol e pela alfaiataria no sangue.