Bainha na bermuda

by Eduardo Lautert


Já é quase Carnaval. Mas como quase não quer dizer nada, a nossa pauta de hoje não tem nada a ver com o feriado.

Não é novidade para ninguém aqui o quanto falamos sobre o segredo de uma roupa estar no corte. Não importa marca e não importa a idade. Uma roupa só vai ficar bem se for bem cortada. E corte pode significar muita coisa. Largura, comprimento, caimento... E quando se trata de bermuda, a atenção deve seguir redobrada. Pode não parecer, mas uma bermuda com um corte ruim pode estragar um figurino inteiro. E uma forma simples, rápida e fácil de resolver isso é dobrando a bainha.

Não tem muito segredo. A bainha de bermuda é quase como a da calça. Não muito grossa, nem muito fina. Uma, duas ou até três voltas e pronto. A linha do joelho é uma boa medida. Não muito abaixo e nem muito acima. E isso independe do tipo da bermuda. Pode ser jeans, sarja, linho ou qualquer outro dentro do padrão conhecido por nós como "normal".

Vale a experiência. Além de melhorar um figurino inteiro, salva tempo, dinheiro e pode até fazer aquela bermuda velha, que a gente não usava há alguns verões, parecer nova.