O estilo do Hammer Museum's Gala 2014

by Eduardo Lautert


A semana começa mesmo com estilo. No estilo gala, digamos.

Aconteceu ontem, em Los Angeles, a 12ª edição do Hammer Museum's Gala in the Garden, o baile do museu Hammer. Com presença de celebridades de diferentes áreas, o evento foi um prato cheio para quem curte um bom figurino. Ainda mais que essa edição contou com o endosso mais do que especial da grife italiana Bottega Veneta.

Os destaques (positivos e negativos), a gente vê aqui embaixo:

De sapato gasto e tudo, Orlando Bloom posou ao lado do presidente e CEO da Bottega Veneta, Marco Bizzarri. Não que isso seja um problema. Pelo contrário, o ator neozelandês soube combinar um terno claro com bastante classe, deixando o sapato com aspecto de envelhecido de propósito. Já o italiano, mostrou toda a mística da grife vestindo um charmoso terno azul marinho muito bem cortado.

O ator Tony Goldwyn foi outro que se comportou muito bem no baile. Pelo menos antes dos drinks surtirem efeito. Seu terno também mostrou bastante distinção e simplicidade. Ideal em qualquer ocasião.

Eles já foram referência pra casal por aqui e mostraram que seguem inspirando casais na hora de se vestir. Kate Bosworth e Michael Polish capricharam no minimalismo para atrair muitos elogios durante a noite de ontem.

O mesmo não podemos dizer do rapper/ator Coomon. O exagero das estampas e texturas jogou o figurino lá para baixo. Para finalizar, um par de tênis deixou o conjunto ainda mais confuso. Menos exageros e mais simplicidade é o que a gente pede.

Will Ferrell tem se mostrado um cara afiado no quesito estilo. Suas mais recentes aparições são dignas de galerias como a nossa. Dessa vez foi com um interessante terno de três peças que Will adentrou na nossa pauta. Só faltou visitar o alfaiate para ajustar a largura da calça.

Outro casal que merece toda atenção é o dos atores Zoë Saldaña e Marco Perego. O italiano foi certeiro ao também desferir um terno de três peças, mostrando que até a ausência de gravata pode funcionar como um aspecto positivo.

Com Jim Carrey não foi a gravata que fez o visual um pouco desastroso. O blazer sem corte e muito grande somado ao sapato excessivamente pontudo foram vitais para Jim entrar na nossa galeria no sentido de mostrar como "não fazer". O que fica de positivo é o ótimo modelo de óculos do ator.