Roubar cor

by Eduardo Lautert


A gente já falou disso. Muitas vezes. Mas é claro que não custa lembrar.

Essa é uma baita dica pra homens e mulheres na hora de combinar qualquer tipo de figurino. É tipo um truque, pra evitar muita mistura de cores e tons. Muitos diretores de arte e designers fazem a mesma coisa na criação de layouts, por exemplo.

Para quem ainda não leu sobre esse truque por aqui, expliquemos de novo: trata-se de roubar uma cor de outra peça do conjunto. Por exemplo, vai sair de camisa marrom? Calça um sapato marrom. Vai sair de calça azul marinho? Veste um cachecol azul marinho. Claro que existem casos onde o melhor é não combinar e deixar o visual mais descontraído, mas uma boa dose de parcimônia nunca é demais.

Favor não confundir com monocromia ou tom sobre tom. Monocromia, no seu sentido mais popular, significa o uso de diferentes tonalidades de uma só cor. Essa dica aqui serve mais pra algumas peças, não necessariamente pro figurino inteiro.

Isso também funciona com estampas: escolha uma cor da estampa pra combinar com outra peça de roupa.

Lembrando que isso não é uma regra. É só uma dica. Não precisa ser seguida à risca.