O estilo do Lollapalooza Chile 2015

by Eduardo Lautert


Coisa boa começar a semana com os principais artistas da música internacional se apresentando logo aqui do lado.

Aconteceu no último fim de semana mais uma edição do Lollapalooza chileno, o primo latino do grande festival americano e do nosso Lollapalooza-BR, que acontece nos dias 28 e 29 desse mês. Com um line up muito parecido com a edição brasileira, tivemos muita gente elegante em cima do palco.

E claro, como tinha mesmo que ser, aqui vão os destaques do festival:

Uma das atrações mais aguardadas do ano no Brasil, Jack White mostrou toda desenvoltura e originalidade em um show que inspira e impressiona não apenas pelo som, mas pelo visual.

Também muito aguardados por aqui, os ingleses do Kasabian deram a famosa agitada no festival. Com a ajuda de muitos hits e o também popular estilo rockstar inglês.

Também vindos do país da Rainha, os rapazes do Kooks também se armaram de hits e do tradicional estilo alternativo para encantar os chilenos. Também os aguardamos por aqui.

Baixando um pouco a bola, mas não o nível, tivemos a presença de Donavon Frankenheiter. Tatuagens, cabelo comprido, chapéu e um baita barbão criaram um visual inspirador.

Principal novidade da música dos últimos anos, os rapazes do Alt-j fizeram bonito com as roupas e as canções mais alternativas do momento.

Um pouco mais distantes do cenário internacional do que há alguns anos atrás, os americanos do Foster the People também agitaram o público com uma performance movimentada e bastante elegante.

Também voltando ao cenário dos festivais em 2015, o Interpol mostrou que não perdeu o estilo sombrio e ao mesmo tempo cativante de cantar, tocar e se vestir.

Frequentadores assíduos da nossa pauta, os moços do Kings of Leon desferiram sua enorme coleção de hits a bordo do tradicional e inspirador visual country/rock.

Fechando a nossa galeria com grande estilo, temos uma verdadeira lenda. Robert Plant, que também deve pintar pelo nosso Lollapalooza, mostrou que não perdeu o pique nem o estilo irreverente de 40 anos atrás.