As Olimpíadas de Londres 2012

by Eduardo Lautert


Acabaram as Olimpíadas. E as Olimpíadas, na minha modestíssima opinião, mais espetaculares da era moderna. Ok, não vamos entrar no mérito da comparação entre todas as outras 29 edições, analisando uma por uma.

A questão é que nunca, em uma mesma Olimpíada, tanta cultura e riqueza foram mostradas ao mesmo tempo. Claro, com Londres e Reino Unido não poderia ser diferente. Uma nação repleta de verdadeiros tesouros culturais e altíssimas referências de bom gosto. 

Durante quase um mês de competição, fomos premiados com todos os elementos de uma das culturas mais ricas do mundo. 

Dentro das provas, pudemos ver semi-deuses voarem nas piscinas, nas pistas, nos campos e nas quadras. Gigantes baterem recordes e claro, muitas boas referências. Fora das quadras, pudemos ver e ouvir mestres, deuses e heróis como Paul McCartney, The Who, Queen, Arctic Monkeys, Kaiser Chiefs, John Lennon, David Bowie, Beatles e tantos outros.

E o que fica para 2016? Boa pergunta. Decepções e falhas na busca por medalhas de lado, sabemos que o Brasil tem muita coisa pra mostrar. E vale a lição dada por Londres, onde o óbvio e o protocolo, às vezes foram deixados de lado, e a beleza, o bom gosto e a criatividade se sobressaíram.

A Olimpíada mais estilosa e rica de todos os tempos, em imagens: