Sessão retrô: suspensório

by Eduardo Lautert


Dando continuidade com a nossa sessão retrô, aqui vai um post bem bacana sobre suspensórios, um tipo de acessório que impõe muito respeito.

Há quem acredite que suspensório é bobagem. "Muito melhor usar um cinto". Não é totalmente verdade. O cinto realmente é mais discreto, mais prático e muito mais fácil de usar. Mas o suspensório tem o charme. O diferencial.

Como diria um dos seus mais célebres adeptos (Chaves): "Ninguém tem paciência comigo". Mas vale ter um pouco de paciência sim. O suspensório pode ser um complemento interessantíssimo para o visual. Sabendo como combiná-lo, o resultado fica ótimo. Aqui vale mais uma vez aquela dica de "roubar" cor: usar o suspensório da mesma cor que alguma outra peça do conjunto (calça, sapato, casaco, etc).

Pode usar junto com o cinto? Até pode. Claro que nada é PROIBIDO. Mas vale lembrar que os dois possuem praticamente a mesma função: segurar a calça. Não aconselha-se muito usar suspensório com bermuda, isso porque deixa o conjunto com uma cara muito caricata, quase como um palhaço ou uma roupa daquelas típicas alemãs. Por isso, é bom evitar. De novo, nada é proibido, apenas mais ou menos aconselhável.