A Teoria de Tudo - filme

by Eduardo Lautert


É chegada a sexta-feira. E às vesperas das eleições, e também para demonstrar a nossa posição a respeito do embate eleitoral, não vamos falar sobre o assunto. Em vez disso, falaremos sobre algo muito mais agradável e interessante: cinema.

"A Teoria de Tudo" é o mais recente filme do nosso ícone de estilo Eddie Redmayne. No papel principal, Eddie vive o teórico físico Stephen Hawking, um dos mais respeitados e aclamados profissionais de todos os tempos. Baseado no livro "Travelling to Infinity: My Life with Stephen", ele conta a história do casal Stephen e Jane desde o início da relação até o reconhecimento internacional, passando pelo grave diagnóstico de esclerose lateral amiotrófica, que o afeta até hoje.

Mas mais do que um grande filme, rico em grandes atuações e uma história fascinante, "A Teoria de Tudo" também nos reserva um figurino caprichado. Ambientado em boa parte durante o início da déca de 60, ele apresenta um vasto arsenal de ternos, gravatas e acessórios totalmente originais. Ou seja, além de uma bela história e ótimos atores, ainda somos brindados com um figurino britânico de muito repeito.

É o radar do Oscar ligado.